Conheça cinco incríveis nebulosas planetárias da nossa Galáxia

Para os leigos ou iniciantes nos assuntos da astronomia, antes de começar, irei explicar o que é uma nebulosa planetária.
Nebulosas são nuvens de poeira, hidrogênio, hélio, gás ou plasma geradas a partir de uma supernova, ou antes desta.

Existem quatro tipos diferentes de nebulosa:
• Nebulosa de emissão;
• Nebulosa escura;
• Nebulosa de reflexão;
• e Nebulosa planetária (das quais iremos abordar)

O que é uma nebulosa planetária?

Uma nebulosa planetária é composta de poeira e gás, os quais circundam uma estrela do tipo solar quando esta se encontra nas fases finais de sua evolução, ou seja, quando está morrendo. Essa estrela ilumina a nebulosidade ao seu redor, que por sua vez é observada em todas as zonas do espectro eletromagnético, de ondas de rádio até raios-X. As nebulosas planetárias emitem sua luz em bandas muito mais estreitas, ou seja, em linhas de emissão (luz com diversas cores). Devido a esta característica as nebulosas planetárias são facilmente identificadas no céu quando se utiliza um telescópio contendo um prisma, sendo visualizadas como um verdadeiro caleidoscópio.

1. Nebulosa da Ampulheta

Nome: MyCn18, popularmente conhecida como “Nebulosa da Ampulheta”, devido ao seu formato.
Distância: a Nebulosa da Ampulheta se localiza a 8.000 anos-luz da Terra.
Localização: Se encontra ao Sul da constelação Musca.
Ano de descoberta: Descoberta divulgada em um catálogo dos descobridores que foi elaborado entre 1918 e 1924;
Descobridores: Annie Jump Cannon e Margaret W. Mayall
Curiosidades:
• A Nebulosa da Ampulheta é a capa do álbum Binaural, lançado no ano de 2000 pela renomada banda Pearl Jam.
• Também aparece no jogo de videogame “Final Doom”.


2. Nebulosa de Hélix

Nome: NGC 7293, também chamada de “Nebulosa de Hélix”.
Distância: A NGC 7293 se encontra a apenas 700 anos luz da Terra (distância pequena em termos astronômicos)
Localização: Constelação de Aquarius.
Ano de descoberta: Aproximadamente em 1820, não é conhecida a data exata.
Descobridor: Karl Ludwig Harding
Curiosidades:
• É uma das nebulosas mais próximas da Terra
• Também é conhecida como “Olho de Deus”

3. Nebulosa Olho de Gato

Nome: NGC 6543, popularmente conhecida como “Olho de Gato” por sua imagem lembrar um olho felino.
Distância: aproximadamente 3 mil anos-luz da Terra.
Localização: Noroeste da constelação Draco.
Ano de descoberta: 15 de fevereiro de 1786.
Descobridor: William Herschel.
Curiosidade:
• A partir da nebulosa Olho de Gato, astrônomos podem prever qual será o destino final do nosso sol, já que ela representa a fase final na vida de estrelas deste tipo.

4. Nebulosa do Esquimó

Nome: NGC 2392, popularmente conhecida como “Esquimó” por lembrar um rosto envolto por uma pele parca (Tipo de casaco feito em pele que, com capuz, vai até a altura dos joelhos; geralmente, utilizado em regiões de frio extremo).
Distância: Mais de 2870 anos-luz da Terra.
Localização: Constelação de Gêmeos (Gemini).
Ano de descoberta: 1787
Descobridor: William Herschel
Curiosidade:
• O gás visto acima da nebulosa compunha as camadas externas de uma estrela parecida com o Sol a somente 10 000 anos atrás. Os filamentos internos visíveis acima estão sendo ejetados pelos fortes ventos de partículas emitidos da estrela central. O disco externo contém longos filamentos laranjas incomuns com anos-luz de comprimento

5. Nebulosa do Anel

Nome: NGC 6720, Messier 57, mas também conhecida como “Nebulosa do Anel”
Distância: 2500 anos-luz da Terra.
Localização: Constelação de Lira
Ano de descoberta: 1779
Descobridores: Antoine Darquier de Pellepoix, e logo depois, Charles Messier, de forma independente.
Curiosidades:
• Foi a segunda nebulosa do tipo planetária a ser descoberta.
• A Nebulosa do Anel é uma das mais famosas Nebulosas já fotografadas, assim como a de Hélix.

Fontes:
http://goo.gl/MD8BUQ
http://goo.gl/dBjFb1
http://goo.gl/hM9E2B
http://goo.gl/2fiE8r
http://goo.gl/nZs60t
http://goo.gl/5FYVjs

Autor: Matheus Gonçalves – Fundador da Mundo da Ciência
Colaboradores: Tássio Huguenin – Criador de Conteúdo da Mundo da Ciência
Gabriel de Jesus – Criador de Conteúdo da Mundo da Ciência
Julio Cesar – Designer da Mundo da Ciência

 

Link: https://paginamundodaciencia.wordpress.com/2013/08/20/conheca-cinco-incriveis-nebulosas-planetarias-da-nossa-galaxia/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s