Máquina criada por suecos purifica 600 litros de água por hora

A falta de água é um dos maiores problemas enfrentados pelo mundo nas últimas décadas. A escassez do recurso mais importante do Planeta Azul é responsável, inclusive, pela sede de mais de 1 bilhão de pessoas e a morte de milhares todos os anos. Isso sem falar em desastres naturais, como o de Mariana (Minas Gerais), ocorrido em novembro de 2015, que desperdiçam milhões de litros de água de uma só vez.

Com o objetivo de criar uma solução para o problema que assola um número cada vez maior de pessoas, um casal de empreendedores suecos decidiu criar um kit de purificação que promete revolucionar a relação da sociedade com o consumo de água.

Trata-se de um sistema movido à base de energia solar e luz ultravioleta, capaz de filtrar e depurar até 600 litros de água por hora – equivalente a uma média de consumo de 80 pessoas por dia. Durante o processo, o equipamento elimina bactérias patogênicas, vírus, amebas e parasitas, inclusive bactérias resistentes ao nosso cloro, tudo isso de maneira sustentável.

A principal ideia do Green Water, nome dado à invenção, é tornar prático e acessível o tratamento e consumo de água para os mais diferentes cenários. Desta forma, a máquina é extremamente funcional para regiões onde o saneamento básico é precário – continente africano, por exemplo. Além disso, o equipamento é portátil, o que facilita ainda mais o seu transporte.

Em abril deste ano, a Ruanda, uma das nações mais pobres do planeta, foi o primeiro país a receber o equipamento para uma série de testes (realizados com sucesso). A próxima etapa da equipe é adaptar o Green Water para o tipo de água e principais características do país. A ideia é de que nos próximos dias, pelo menos 25 unidades sejam instaladas em escolas, hospitais, centros comunitários e outros pontos de acesso aos ruandeses.

Pensando no Brasil, que aos poucos tem se recuperado de uma intensa crise hídrica, o Green Water se apresenta como uma solução ainda mais efetiva para a população. Inclusive, os suecos afirmam que o país está no cronograma de testes da empresa, com o objetivo de analisar o desempenho da máquina em situações reais (comunidades carentes, indústrias etc.).

Para saber mais informações sobre a iniciativa, acesse o link.

Anúncios